Notícias

Justiça Restaurativa em Santa Cruz do Escalvado

Avalie este item
(2 votos)

Em funcionamento há cerca de 10 anos no Brasil, a prática da Justiça Restaurativa tem se expandido pelo país. Conhecida como uma técnica de solução de conflitos que prima pela criatividade e sensibilidade na escuta das vítimas e dos ofensores, a prática tem iniciativas cada vez mais diversificadas e já coleciona resultados positivos. Na quinta-feira, 09/11/2017, ocorreu aqui em Santa Cruz mais um circulo da Justiça Restaurativa, sendo a Comarca de Ponte Nova a primeira da região a aderir tal técnica.

Maria Antonieta, defensora pública que acompanha o caso desde do inicio e mediadora do circulo, relata "ontem realizamos na cidade de Santa Cruz do Escalvado um círculo de sensibilização, visando criar uma rede para receber um antigo membro da comunidade, portador de doença mental, dela afastado há alguns anos atrás, em razão de uma sentença penal, que lhe impôs uma medida de segurança de internação, pelo homicídio do próprio irmão. Foram facilitadores do circulo eu, Iraildes e Wander e vários foram seus participantes, desde a irmã e o cunhado do autor do fato, até um amigo de infância, uma amiga da família e da mãe já falecida, um pastor evangélico e colega do autor, além da prefeita da cidade e diversos servidores municipais das áreas da saúde, assistência social e educação. Por ser uma cidade muito pequena e como o crime, na época, repercutiu bastante em todos, tivemos a preocupação de realizar esta atividade, antes da colocação do Dirson em liberdade, que deverá ocorrer já nos próximos dias. Todos se mostraram muito atentos, sensíveis ao problema e envolvidos no circulo. Muitos se emocionaram e ao final a fala foi unânime: o circulo fez a diferença na vida de cada um dos presentes! Conseguimos estabelecer compromissos concretos para contribuir com a reinserção social do Dirson e pela foto, como vocês podem ver, os semblantes estavam bem leves e em paz, algo que me chamou muita atenção. Foi algo inédito e pioneiro, o que me enche de esperança de que é possível um outro olhar e um outro tratamento para a reinserção daquele que foi privado de liberdade, principalmente o portador de sofrimento mental em conflito com a lei. Agradeço a oportunidade de participar deste círculo."

Para Iraildes, psicóloga e também facilitadora, "o Círculo em Santa Cruz foi uma experiência muito agradável que renovou em mim a esperança e a confiança na humanidade. Estamos escrevendo outra história e meu coração transborda de gratidão, por ter sido incluída no grupo que está comprometido com esta nova proposta. A cada círculo sinto que estou bem próxima da vivencia dos valores que acredito. Hoje preciso agradecer especialmente a Maria Antonieta e a Dr. Dayse Mara que entre tantos servidores convidou-me para a formação em justiça Restaurativa. Gratidão".

A prefeita Sônia Untaler, que participou do encontro, coloca que o círculo foi uma base para instruir no processo de reinserção social, e relata que a prefeitura estará sempre a disposição para contribuir neste processo. Afirma ainda que todas as secretarias envolvidas já estão estudando o caso e trabalhando para melhor receber o Dirson.

 

Compartilhar nas redes sociais:

Mídia

Compartilhar nas redes sociais:

Galeria de Imagens

Compartilhar nas redes sociais:

Deixe um comentário

Mais lidas

Filtro por data

« Dezembro 2017 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30 31